Continuando a série “Vinho e Comida”, vamos falar da interação entre vinho e comidas com sabores doces.
.
Vinho e comida #02
.
A comida quando doce, causa no vinho uma maior percepção de amargor, de sua acidez e da percepção de seu teor alcoólico, por outro lado, a combinação entre vinho e comidas doces reduzem as nossas percepções de fruta, doçura e corpo. Uma comida doce combinada com um vinho seco pode deixá-lo com a sensação de ausência de fruta e uma acidez desagradavelmente alta.
.
#dicadobob
—> Minha sugestão para pratos doces é que sempre escolha um vinho com nível de doçura pelo menos um pouquinho maior que o prato. Ambos irão se equilibrar e o confrade poderá ter uma boa percepção dos aromas e sabores do vinho, a tal “harmonização” acontecendo de fato.
.
Para comidas doces, recomendo os vinhos colheita tardia, licorosos (vinho do porto, marsala, madeira, ice wine), além de espumantes doces como o Asti e o Moscatel.
.
Um grande abraço aos confrades e até a próxima matéria! Saúde confrades!
.
#confrariadobob #doces #vinho #vinhos #vin #wine #vino #instavinho #vinhodoporto #vinhomadeira #marsala #asti #moscatel #espumante #champagne #redwine #portugal #canada #italia #lateharvest #happyhour #amigos #amizade #confraria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.